Lives respondem perguntas do público sobre Inovação e Inteligência Artificial para a Saúde

Programação integra Semana do Conhecimento UFMG 2021, de 25 a 29 de outubro, e aponta perspectivas de avanços na qualidade de vida

“Como a IA pode melhorar nossa Saúde?”, existem “Oportunidades da IA para saúde e bem-estar”? e quais os “Desafios éticos e legais da IA aplicada à saúde”? Estes são os temas das três Lives de 60 minutos, que serão transmitidas em sequência pelo Youtube.com/ieatufmg, na quarta-feira, 27 de outubro de 2021, a partir das 15 horas. No formato de um bate-papo, foram convidados renomados cientistas e profissionais, da UFMG e de outras organizações, públicas e privadas, para debater e tirar dúvidas da população.

O evento é gratuito e para receber certificado de participação basta preencher um brevíssimo questionário neste link (https://www.ufmg.br/semanadoconhecimento/eventos/?id=1122), onde também se tem acesso aos outros eventos que integram a Semana do Conhecimento UFMG 2021 (entre 25 e 29 de outubro).

Segundo Zilma Reis, professora da Faculdade de Medicina da UFMG e coordenadora do evento, a Inteligência Artificial (IA) é um campo que combina ciência da computação e grandes volumes de dados, com o objetivo de desenvolver a construção e o estudo de algoritmos capazes de aprender e fazer predições sobre dados e a resolver problemas de forma exponencialmente mais rápida e mais eficaz.

A partir das 15h, “Como a IA pode melhorar nossa saúde”, reúne os professores Tom Ribeiro (vice-diretor do CIIA-Saúde), e Nívio Ziviane (Departamento de Ciência da Computação da UFMG). O professor Virgílio Almeida (Diretor do CIIA-Saúde), será o moderador.

Às 16h, “Oportunidades da IA para saúde e bem-estar” serão apresentadas pelos professores Wagner Meira (Coordenador do CIIA-Saúde) e pelo médico Sérgio Adriano Loureiro Bersan (Unimed BH). A mediadora será a professora Ana Paula Couto da Silva (DCC Icex UFMG).

Encerrando a atividade, às 17h é a vez de “Desafios éticos e legais da IA aplicada à saúde”, com moderação da professora Zilma Reis (Medicina UFMG), e a participação dos professores Leonardo Netto Parentoni (Faculdade de Direito da UFMG) e Mário Neto Borges (Facens e Newton Paiva).

IA NO SEU DIA A DIA

Segundo a professora Ana Paula Couto, do Departamento de Ciência da Computação da UFMG e também da equipe de coordenadores deste encontro, os algoritmos de Inteligência Artificial já estão no nosso dia a dia, nos filtros AntiSpam, em sistemas de busca na internet, no reconhecimento de imagens e em vários campos da ciência. “Tais algoritmos funcionam basicamente gerando um modelo a partir de dados de exemplo e aplicando esse modelo para auxiliar na tomada de decisões”, explica a professora de Computação.

As ferramentas criadas dentro dessa lógica são especialmente úteis para analisar e reconhecer padrões na interpretação de grandes volumes de dados. É como mudar o pensamento de linear para exponencial. O linear vai de um em um. É a forma como a gente pensa, normalmente. O exponencial, vai de muitos em muitos e cresce de uma maneira muito rápida.

“A aplicação desses algoritmos em informações médicas tornaria possível a análise automatizada de um volume gigantesco de dados”, afirma Ana Paula, destacando a grande utilidade dessa ferramenta no processo de tomada de decisão clínica dos profissionais de saúde, com base em evidências científicas mais sólidas e que podem ser geradas rapidamente considerando potencialmente um sem número de variáveis.

Segundo a médica Zilma Reis, o projeto de extensão interinstitucional que coordena tem como objetivo abrir um canal de diálogo sobre o uso de IA em saúde, e divulgar esse assunto de grande relevância para a sociedade através de redes sociais, como Youtube e Instagram (bit.ly/iasaude). “Inclusive para profissionais de saúde que ainda veem as ferramentas computacionais, tecnológicas e de robótica como distantes e intangíveis na sua formação e na vivência da assistência”, destaca.

A equipe de coordenação também conta com a participação efetiva da professora Cristiane dos Santos Dias, também da Faculdade de Medicina, além de uma equipe de estudantes e voluntários de diferentes áreas.

Programação:

27/10 às 15h – Como a IA pode melhorar nossa Saúde?

Convidados:

Prof. Tom Ribeiro
Vice-diretor do CIIA-Saúde

Prof. Nivio Ziviani
CEO da Kunumi

Moderador:

Prof. Virgilio Almeida
Diretor do CIIA-Saúde

27/10 às 16h – Oportunidades da IA para Saúde e Bem-estar

Convidados:

Prof. Wagner Meira
Coordenador do CIIA-Saúde

Prof. Sérgio Bersan
Unimed

Moderador:

Profª Ana Paula Couto
DCC/UFMG

27/10 às 17h – Desafios éticos e legais da IA aplicada à Saúde e Bem-estar

Convidados:

Prof. Leonardo Parentoni
Direito UFMG

Prof. Mário Neto Borges
Facens e Newton Paiva

Moderador:

Profª Zilma Reis
Medicina UFMG