Inria and the CNIL award the 2020 Privacy Protection prize

sex, 29/01/2021 - 15:15
Português, Brasil
Os professores Fabrício Benevenuto e Pedro Olmo e os alunos de doutorado do PPGCC Márcio Silva e Lucas Santos fazem parte da equipe premiada.

O CNIL (Autoridade Francesa de Proteção de Dados) e o Inria (Instituto Nacional Francês de Pesquisa em Ciência e Tecnologia Digital) concederam o prêmio de Proteção de Privacidade 2020 a equipe de pesquisa  durante a 14 th international conference Computers, Privacy and Data Protection (CPDP). O prêmio foi atribuído a Márcio Silva, Lucas Santos de Oliveira, Athanasios Andreou, Pedro Olmo Vaz de Melo, Oana Goga e Fabrício Benevenuto pelo artigo “Facebook Ads Monitor: An Independent Auditing System for Political Ads on Facebook“.

No dia 28 de janeiro de 2021, Bruno Sportisse, Presidente e CEO da Inria e François Pellegrini, Vice-Presidente da CNIL, apresentou o Prêmio CNIL-Inria na conferência CPDP que decorreu à distância. Este prêmio europeu, criado pelo CNIL e o Inria em 2016, visa incentivar a investigação no domínio da proteção de dados e privacidade. Os artigos foram selecionados principalmente com base em dois critérios de excelência científica e impacto social, por um júri co-presidido por François Pellegrini para o CNIL e Nataliia Bielova para o Inria.

Este prémio é uma oportunidade para sensibilizar a comunidade científica para as questões da proteção de dados e para a necessidade de desenvolver projectos de investigação neste domínio, nomeadamente à luz dos desenvolvimentos trazidos pelo Regulamento Europeu sobre a Protecção de Dados Pessoais (RGPD), e em particular os novos requisitos de privacidade desde a concepção e responsabilidade.

O trabalho premiado, intitulado “Facebook Ads Monitor: An Independent Auditing System for Political Ads on Facebook“, de Márcio Silva, Lucas Santos de Oliveira, Athanasios Andreou, Pedro Olmo Vaz de Melo, Oana Goga e Fabrício Benevenuto, foi publicado no World Wide Web Conference (WWW) 2020.

O artigo apresenta um sistema de auditoria independente para anúncios políticos na rede social Facebook. Um experimento envolvendo mais de 2.000 voluntários foi conduzido usando
um plugin do navegador para coletar anúncios da linha do tempo do voluntário. Mais de 240.000 anúncios foram coletados que permitiram a automação da detecção de anúncios políticos no Facebook. Implantado para as eleições brasileiras de 2018, este sistema de auditoria revelou que muitos anúncios políticos não foram relatados como tal na biblioteca de anúncios do Facebook, o que ressalta a importância de se ter plataformas de auditoria independente para a divulgação de anúncios políticos. Este trabalho chamou a atenção de muitas organizações da sociedade civil e governamentais para a necessidade de regulamentar a propaganda política e forneceu pistas sobre como fazê-lo.

O prêmio foi entregue pelos membros do júri, pesquisadores renomados na área de privacidade da informática: Joe Calandrino (Federal Trade Commission - EUA), Mathieu Cunche (INSA-Lyon - França), Josep Domingo-Ferrer (Universitat Rovira i Virgili, UNESCO - Espanha), Simone Fischer-Hübner (Karlstad University - Suécia), Sébastien Gambs (Université du Québec à Montréal - Canadá), Marit Hansen (Comissão de Proteção de Dados da Land Schleswig-Holstein - Alemanha), Kévin Huguenin (Universidade de Lausanne - Suíça), Francesca Musiani ( CNRS - França), Paul Syverson (Laboratório de Pesquisa Naval - EUA), Cristo Wilson (Northeastern University - EUA) além de dois membros do CNIL: François Pellegrini (copresidente) e Félicien Vallet (vice-presidente), e dois pesquisadores do Inria : Nataliia Bielova (co-presidente) e Nicolas Anciaux (vice-presidente). Mais de cinquenta artigos foram submetidos ao júri, o que evidencia o crescente interesse da comunidade científica por este evento.


A equipe premiada:

• Márcio Silva, Universidade Federal de Minas Gerais, Departamento de Ciência da Computação, Belo Horizonte, Brasil. (doutorando, orientador: Fabricio Benevenuto)
• Lucas Santos de Oliveira, Universidade Federal de Minas Gerais, Departamento de Ciência da Computação, Belo Horizonte, Brasil. (doutorando, orientador: Pedro Olmo)
• Athanasios Andreou, Université Grenoble Alpes, CNRS, Grenoble INP, LIG, Grenoble, França.
• Pedro Olmo Vaz de Melo, Universidade Federal de Minas Gerais, Departamento de Ciência da Computação, Belo Horizonte, Brasil.
• Oana Goga, Université Grenoble Alpes, CNRS, Grenoble INP, LIG ​​Grenoble, França.
• Fabrício Benevenuto, Universidade Federal de Minas Gerais, Departamento de Ciência da Computação, Belo Horizonte, Brasil.

Para maiores informações:
• Site do prêmio CNIL-Inria 2020: https://www.cnil.fr/fr/lancement-de-la-5e-edition-du-prix-cnil-inria

• Artigo do vencedor do prêmio 2020: “Facebook Ads Monitor: An Independent Auditing System for Political Ads on Facebook”